Enquete

  01) Conheço

  02) Gostaria de conhecer

  03) Nao conheço

Fechar
Enquetes anteriores

Poder Judiciário de Mato Grosso

Notícias

12.06.2018 11:39

Servidores e população doam sangue no TJ nesta 3ª
Compartilhe
Tamanho do texto:
Servidores e visitantes do Tribunal de Justiça de Mato Grosso estão aproveitando esta terça-feira (12 de junho) para ser solidários doando sangue. Isso porque o ônibus do Hemocentro está estacionado no pátio da instituição e estará recebendo doadores até às 16h. Na quarta-feira (13) a campanha seguirá para o Fórum de Cuiabá, das 12h às 16h. Nos dois locais são aceitos todos os tipos de sangue, já que todos são necessários.
 
Antes da doação, é realizada uma triagem para aferir a condição de saúde do doador. Inicialmente, para participar basta estar alimentado, ser maior de 18 anos, pesar mais de 50 quilos, não ter ingerido bebidas alcóolicas nas últimas 12h e ainda não ter se vacinado nas últimas semanas. Podem doar pessoas que tenham acima de 18 anos; adolescentes entre 16 e 17, com autorização dos pais; doadores contínuos até os 69 anos; e, caso seja a primeira doação, pessoas até 60 anos.
 
A campanha é realizada pelo Programa Bem viver da Coordenadoria de Recursos Humanos em parceria com o Hemocentro e visa à arrecadação de bolsas de sangue para serem usadas pelos hospitais. De acordo com a médica do Hemocentro, Andréa Minossi, existe sempre uma necessidade contínua para arrecadação do material.
 
“A campanha do Hemocentro é habitual, tendo em vista a necessidade contínua das bolsas de sangue na rede pública. Historicamente, sabemos que neste período haverá mais necessidade, pois aumentam as viagens e as possibilidades de acidentes, bem como a solta de fotos e as possíveis queimaduras”, explicou.
 
Eduardo Alves estava passando pelo TJ e resolveu aproveitar para doar. Ele ressalta que sempre foi doador na empresa em que trabalhava, mas depois que mudou de serviço, deixou de praticar o ato de solidariedade. “Vim ao Tribunal fazer um trabalho e vou aproveitar o ônibus que está no pátio disponível para todos. Essa é uma oportunidade para quem, como eu, parou com a prática da doação e quer voltar. É rápido e nos faz sentir bem por ajudar quem precisa”, pontuou.
 
Também as servidoras do TJ Karla Cristaldo e Flávia Fernandes, foram até o ônibus doar vida. Todas as duas são doadoras há muitos anos e sempre que a campanha é feita no TJ, elas aproveitam a oportunidade. “Temos que ser receptivos a toda oportunidade de ajudar uma pessoa. Não podemos doar somente quando nos pedem ajuda. Ainda mais porque o Hemocentro só recebe doações de sangue em dias úteis e não temos tempo para ir até lá”, ressaltou Karla.
 
Já Flávia conta que começou a doar seguindo o exemplo do pai que é doador. Como possui sangue O-, doa com a consciência de que este é o sangue mais raro na humanidade (apenas cerca de apenas 3% da população mundial o possui) e é o que mais é utilizado nos momentos de emergência. “Eu e meu marido somos doadores há muito tempo e agora meu filho nasceu e tem o mesmo tipo e fator sanguíneo que nós dois, O-. Estamos aumentando a família doadora universal.”
 
A enfermeira responsável pela campanha no TJ, Franciele Delgado, destaca que é importante que todos os servidores que estejam se sentindo bem participem da campanha. O procedimento é tranquilo, rápido e ainda vai salvar vidas. “O ônibus é totalmente equipado para receber as pessoas intencionadas e os técnicos são habilitados para receber a doação. É importante ressaltar que o corpo se recupera bem rápido, de duas a três semanas já são repostos os glóbulos vermelhos perdidos e entre 60 e 90 dias o ferro.”
 
Ela destaca ainda que todo o sangue recolhido pelo Hemocentro ajuda as pessoas que estão internadas ou chegam em estado de emergência nos hospitais públicos de todo o Estado de Mato Grosso, e às vezes, também os particulares.
 
Para ver mais fotos da campanha, acesse o Flickr do TJMT.
 
Keila Maressa/ Foto: Otmar Oliveira (F5)
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
(65) 3617-3393/3394/3409