Escola dos Servidores - Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso

Histórico

 
Inauguração da Escola dos Servidores
 
                  Ao longo de 2008, a gestão do Poder Judiciário Estadual, presidida pelo desembargador Paulo Inácio Dias Lessa, realizou uma série de ações e atividades voltadas à valorização profissional dos servidores que compõem o quadro da Justiça Estadual, notadamente com intuito de consolidar uma identidade única do Judiciário e, dessa forma, estimular o comprometimento com a qualidade da prestação jurisdicional. Além da consolidação do Sistema de Desenvolvimento de Carreiras e Remuneração (SDCR), lançado em 2007, e da INAUGURAÇÃO DA ESCOLA DOS SERVIDORES em 2008, várias ações foram desencadeadas com objetivo de integrar e estreitar laços entre os servidores das 79 comarcas do Estado e do edifício-sede do Tribunal de Justiça de Mato Grosso. (transcrito da reportagem – Retrospectiva 2008 – Coordenadoria de Comunicação)
 
                 No dia 03 de abril de 2008 ocorreu a inauguração da Escola dos Servidores, um dia de grande importância para os servidores do Poder Judiciário, com a presença dos Desembargadores: Paulo Inácio Dias Lessa - Presidente, Rubens de Oliveira Santos Filho - Vice Presidente e Orlando de Almeida Perri - Corregedor Geral da Justiça, Márcio Vidal – Diretor da Esmagis, Jurandir Florêncio de Castilho, Carlos Alberto da Rocha, Antônio Bittar Filho, Leônidas Monteiro Duarte e ainda o Des. Aposentado João Antônio Neto, o ex-governador José Garcia Neto, representantes do Tribunal de Contas e do Governo, equipe da administração do Tribunal de Justiça de Mato Grosso – Gestão 2007-2009, Magistrados, Coordenadores, Diretores de Departamentos, muitos servidores, demais autoridades locais e o arquiteto que criou o projeto arquitetônico da Escola - Paulo Cesar Molina Monteiro.
 
                   O coral dos servidores do Tribunal de Justiça apresentou duas músicas, abençoando o local um pastor e um padre e ao final Moacir Reis, com a performance de “O Menestrel” apresentou a poesia de William Sheakespeare - “Aprender” e a seguir foi servido de um coquetel para os participantes.
    
 Todos os convidados que compareceram à inauguração foram presenteados com uma luminária para leitura.