Enquete

  01 - Conheço, já peguei minha muda nas ações do projeto;

  02 - Não conheço, mas gostaria de plantar minha árvore;

  03 - Ainda não, mas quero saber o cronograma de plantio e distribuição de mudas.

Fechar
Enquetes anteriores

Poder Judiciário de Mato Grosso

Notícias

10.10.2019 10:02

Araguaia Cidadão: segunda etapa vai percorrer mais de 4 mil quilômetros e visitar cinco cidades
Compartilhe
Tamanho do texto:
 A população dos municípios de Santa Terezinha, Luciara, São Felix do Araguaia, Novo Santo Antônio e Cocalinho irão receber os serviços do Poder Judiciário de Mato Grosso e parceiros no próximo mês, por meio das ações do projeto Araguaia Cidadão que entra na sua segunda e última fase. Para chegar ao primeiro ponto de atendimento, Santa Terezinha (a 1.323 km de Cuiabá) em 6 de novembro, a expedição ficará dois dias na estrada. A maior parte do caminho será por estrada sem pavimentação e a previsão é de muita chuva, ou seja muita lama.
 
A assessora da Justiça Comunitária, Tatiane Guerra, admite que os desafios são grandes, mas reforça que os voluntários e parceiros estão prontos para encarar a missão. “A segunda fase do Araguaia Cidadão vai ser muito mais desafiadora do que a primeira, que já tinha a dificuldade da distância, agora essa distancia é dobrada. Mas os desafios estão aí para serem superados e a gente vai atender esta população que tanto precisa”, profetiza.
 
Entre os serviços oferecidos pela união de forças dos parceiros do projeto estão: registro tardio, resolução de conflitos sociais, reconhecimento da paternidade pelo programa Pai Presente, divulgação e esclarecimentos sobre os projetos padrinhos e habilitação para adoção, casamento comunitário, consultas médicas, oftalmológicas e odontológicas, vacinas, confecção de documentação, serviços do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) como cadastro biométrico, alistamento eleitoral, emissão da segunda via do título de eleitor e atualização de dados cadastrais, além de cortes de cabelo entre outros serviços.
 
O projeto segue até o dia 15 de novembro e vai percorrer mais de 4 mil quilômetros em 10 dias de expedição. Tatiane lembra que o Araguaia Cidadão foi um sonho do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, que delegou à coordenadoria do projeto ao juiz José Antônio Bezerra Filho, conhecido como doutor Tony, que já tem grande experiência com o Programa Ribeirinho Cidadão. “O nosso maestro, que é o doutor Tony costuma brincar que a gente não faz nada sozinho. No Araguaia Cidadão esta verdade é mais diferenciada. Sem a adesão dos diversos parceiros, sem a colaboração deles o projeto não seria possível”, avalia.
 
São parceiros do Poder Judiciário instituições públicas e privadas, como o Executivo estadual, Marinha do Brasil, Exército, Polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal, Defesa Civil, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Assembleia Legislativa, prefeituras e câmaras municipais e Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
 
A assessora lembra que na primeira fase do projeto a sensibilidade da diretora de Imprensa e Novas Mídias do TJMT, Mariana Vianna, fez um movimento solidário na instituição com arrecadação de brinquedos para serem entregues pela campanha “Criança Araguaia” e foi um sucesso. Agora querem repetir a dose. “Temos a Receita Federal como parceira, que doa para às populações produtos que foram aprendidos como toalhas e vestuário, mas não tínhamos brinquedos. Então a Mariana Viana lançou a campanha, que arrecadou brinquedos para levar. Então, conclamamos todos os servidores a trazerem brinquedos em boa condição ou novos para levarmos. Que eles possam imaginar a alegria destas crianças que nada tem quando recebem um brinquedo”, solicita.
 
Alcione dos Anjos
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
(65) 3617-3393/3394/3409